Close

  We have detected that you are in USA. Don’t you want to visit    USA   www.tuugo.us?

  Friday, 15 August 2014

Cidades latino-americanas atraem grandes investimentos no sector imobiliário

Cidade do México, São Paulo, Santiago, Lima, Bogotá e Panamá atraem as maiores inversões no setor imobiliário neste e nos próximos anos, por quê?

Segundo o estudo “Latin America Regional Prime Office Report, Year-End 2013” realizado pela empresa de serviços financeiros e profissionais Jones Lang LaSalle (JLL), especializada em oferecer serviços imobiliários das cidades da America latina, diz que tanto as grandes cidades como as de rápido crescimento são propicias para o negocio imobiliário.

 

Os expertos do JLL identificaram 6 cidades que estão na frente em um sentido econômico, três cidades estabelecidas Cidade do México, São Paulo e Santiago e três cidades emergentes como Lima, Bogotá e Panamá.

 

O diretor de operações regionais da Latino America do JLL, Zach Cheney, disse: “Os bens imóveis nestas cidades mostram um equilíbrio perfeito entre a estabilidade de um grande mercado e dos centros comerciais menos mas de rápido crescimento, isto faz crescer rapidamente as demandas de espaços de escritórios”

 

Cada cidade tem suas próprias expectativas e problemas. No entanto nos três maiores mercados de escritórios da região se  constroem de forma massiva, São Paula sofrerá problemas de subofertas, México poderá satisfazer a demanda existente e melhorará a oferta na moderna Santiago.

 

Lima, Bogotá y Panamá também  estão gerando níveis altos de investimentos estrangeiros no setor da construção, mas são um mercado de menor tamanho.  Estes mercados tem como objetivo fazer um recorde de investimento estrangeiros. Sem dúvidas esta situação criará um efeito positiva sobre a atividade comercial em toda a America Latina e não só para 2014, também para futuros anos.

 

 

 Estas são as características principais pelas quais as cidades se estão convertendo em pontos de interesse para o setor imobiliário a nível mundial.

 

1 – Cidade do México. É o maior mercado de Latino America, tem um crescimento imenso no PIB

Previsão: Com uma taxa de 11% de desocupação a capital mexicana receberá  415,000 mts2 de escritórios novos só no ano 2014.

 

2 – Santiago. Com novos e modernos prédios, uma das taxas mais baixas de inflação da America, e grande estabilidade laboral, esta cidade só tem olhos para crescer.

Previsão: Para o ano que vem, a previsão é de 500,000mts2 de construção de escritórios, isto equivale a um 20% a mais do volumem atual.

 

3 – São Paulo:  Com o maior PIB per capita da região, atualmente vive o denominado bolha imobiliária, pelo rápido aumento de escritórios construídos neste ano e no ano passado.

Previsão: Mais de um milhão de mts2  em processo de construção ao finalizar incrementará o desemprego e nos próximos anos diminuirá os valores da renda.

 

4 – Bogotá. O investimento estrangeiros na cidade é de quase 17,000,000 de dólares no ano passado. Neste ano a construção adicionará uns 180,000 mts2 de escritórios

Previsão:. Espera-se um crescimento de 4,5% neste rubro para o ano que vem.

 

5 – Lima: Nomeada como uma das 20 Cidade mais dinâmicas do mundo pelo City Momentum Index 2014da JLL. É uma das cidades que cresce com mais velocidade porque consegue se adaptar as novas circunstâncias.

Previsão. Hoje se estão construindo 200,000 mts2 de escritórios para ser entregues no ano 2016. Pela falta de espaço os alugueis estão caros respeito a região, mas ao finalizar os novos escritórios sem duvida o preço baixará.

 

6 – Panamá. Em 2013 Cresceu 7,6 em relação ao PIB, foi a cidade que cresceu mais nesse ano.  

Previsão: O setor imobiliário acredita que com a expansão do canal de Panamá a cidade terá um forte impacto econômico. Confiam que esse canal gerará um aumento de demanda de escritórios. Hoje estão em construção 400,000 mts2 que serão entregues em 2016.

 

“Este é um novo capítulo do comercio internacional, começando na latino América com a finalização do Canal e conectando as comunidades de negócio para avançar no progresso econômico.”

 

Fontes

HSBC Global Connections
Forbes


 
Sign up for Tuugo:
Log in:

If you already have a Tuugo account,
Log in now

 
We and third party providers from us use cookies on our pages. By continuing to browse our pages you agree to that and accept our Cookie Policy.